08 dezembro 2008

AS CONTRADIÇÕES DA BÍBLIA

Alguns estudiosos da bíblia declaram que há milhares de contradições em suas páginas explícitas ou implícitas. A seguir estão algumas delas. Para perfeito entendimento é preciso acompanhar as passagens citadas em cada ítem da listagem.
1. A Bíblia nos fala que toda a escritura foi inspirada por Deus (II Timóteo 3:16).Mas em alguns trechos é negada a inspiração divina (I Coríntios 7:6;5:12) (II Coríntios 11:17).
2. Os Gigantes existiam antes da inundação (Gênesis 6:4).Somente Noé, sua família, e os animais da Arca sobreviveram à inundação (Gênesis 7:23).Mesmo depois da Inundação os gigantes continuaram existindo (Números 13:33).
3. Deus diz para Noé que tudo o que se move e tem vida servirá de alimento para ele, e também toda a vegetação. Só não poderá comer da carne ainda com vida, ou seja, com sangue (Gênesis 9:3-4).Deus diz que nem todos os animais podem ser consumidos (Deuteronômio 14:7-20).
4. Toda a terra tinha uma só língua e as mesmas palavras, até que Deus criou vários idiomas diferentes, fazendo com que ninguém entendesse um ao outro (Gênesis 11:1,6-9).Anterior a isto, a Bíblia fala de diversas nações, cada um com sua própria língua (Gênesis 10:5).
5. Deus admitiu que Ele é a causa da surdez e da cegueira (Êxodo 4:11).Contudo, Deus não aflige os homens por vontade própria (Lamentações 3:33).
6. Deus envia Moisés para o Egito resgatar os filhos de Israel (Êxodo 3:10. 4:19-23).No caminho, Deus ameaçou Moisés de morte. (Êxodo 4:24-26). Não proveu de explicação.
7. Deus mata todos os animais dos egípcios com uma forte pestilência. Nenhum sobreviveu à pestilência (Êxodo 9:3-6).Deus mata todos os animais dos egípcios com uma chuva de granizo (Êxodo 9:19-21,25). (Mas eles já não haviam morrido com a pestilência?)
8. Deus não foi conhecido por Abraão, Isaac e Jacó pelo nome de Javé (Êxodo 6:2-3).O nome do Senhor já era conhecido (Gênesis 4:26).
9. Deus proíbe que seja feito a escultura de qualquer ser (Êxodo 20:4).Deus ordenou a fabricação de estátuas de ouro (Êxodo 25:18).
10. Proibição do assassinato (Êxodo 20:13).Deus manda Moisés matar todos os homens de Madiã (Números 31:7).
11. Proibição do roubo (Êxodo 20:15).Deus manda roubar os egípcios (Êxodo 3:21-22).
12. Proibição da mentira (Êxodo 20:16)Deus permiti a mentira (I Reis 22:22)
13. Você tem que julgar o próximo com justiça (Leviticus 19:15).Não julgue ninguém para não ser julgado (Mateus 7:1).
14. Deus jamais se arrepende (I Samuel 15:29).Deus se arrepende (Gênese 6:6) (Êxodo 32:14) (I Samuel 15:11,35) (Jonas 3:10).
15. Deus não pode mentir (Números 23:19).Deus deliberadamente enviou um "espírito" mentiroso (I Reis 22:20-30) (II Crônicas 18:19-22).Deus faz pessoas acreditarem em mentiras (II Tessalonicenses 2:11-12).O Senhor engana os profetas (Ezequiel 14:9).
16. Aarão morreu no monte Hor. Imediatamente depois disso, os israelitas foram para Salmona e Finon (Números 33:38).Aarão morreu em Mosera. Depois disso, os isralelitas foram para Gadgad e Jetebata (Deuteronômio 10:6-7).Deus diz a Moisés que Aarão morreu no monte Hor (Deuteronômio 32:50).
17. Nós temos que amar Deus (Deuteronômio 6:5) (Mateus 22:37).Nós temos que temer Deus (Deuteronômio 6:13) (I Pedro 2:17).
18. Deus escreveu nas tábuas as dez palavras da aliança (Deuteronômio 10:1-2,4).Deus ditou e Moisés escreveu (Êxodo 34:27-28).
19. Josué queimou a cidade de Hai e reduziu-a a um monte de ruínas para sempre (Josué 8:28).Hai ainda existe como uma cidade (Neemias 7:32).
20. Josué destruiu totalmente os habitantes de Dabir (Josué 10:38-39).Os habitantes de Dabir ainda existem (Josué 15:15).
21. Saul destruiu completamente os amalecitas (I Samuel 15:7-8,20).David destruiu completamente os amalecitas (I Samuel 27:8-9).Finalmente os amalecitas são mortos (I Crônicas 4:42-43).
22. Isaí teve sete filhos além de seu mais jovem, David (I Samuel 16:10.11).David foi o sétimo filho (I Crônicas 2:15).
23. Saul tentou consultar o Senhor (I Samuel 28:6).Saul nunca fez tal coisa (I Crônicas 10:13-14).
24. Saul cometeu suicídio (I Samuel 31:4-6) (I Crônicas 10:4-5).Saul foi morto por um amalecita (II Samuel 1:8-10).Saul foi morto pelos filisteus (II Samuel 21:12).
25. Davi tomou 1.700 cavaleiros de Adadezer (II Samuel 8:4).Davi tomou 7.000 cavaleiros de Adadezer (I Crônicas 18:4).
26. Davi matou aos arameus 700 parelhas de cavalos e 40.000 cavaleiros (II Samuel 10:18).Davi matou aos arameus 7.000 cavalos e 40.000 empregados (I Crônicas 19:18).
27. Israel dispõe de 800.000 homens aptos para manejar espadas, enquanto que Judá dispõe de 500.000 homens (II Samuel 24:9).Israel dispõe de 1.100.000 homens aptos para manejar espadas, enquanto que Judá dispõe de 470.000 homens (I Crônicas 21:5).
28. Satã provocou Davi a fazer um censo de Israel (I Crônicas 21:1).Deus sugeriu Davi a fazer um censo de Israel (II Samuel 24:1).
29. Davi pagou 50 siclos de prata por gados e pelo terreno (II Samuel 24:24).Davi pagou 600 siclos de ouro pelo mesmo terreno (I Crônicas 21:25).
30. Rei Josias foi morto em Magedo. Seus servos o levam morto para Jerusalém (II Reis 23:29-30).Rei Josias foi ferido em Magedo e pediu para seus servos o levarem para Jerusalém, onde veio a falecer (II Reis 23:29-30).
31. Foram levados 5 homens dentre os mais íntimos do rei (II Reis 25:19-20).Foram levados 7 homens dentre os mais íntimos do rei (Jeremias 52:25-26).
32. São citados os nomes de 10 pessoas que vieram com Zorobabel (Esdras 2:2)São citados os nomes de 11 pessoas que vieram com Zorobabel (Neemias 7:7)
33. (Esdras 2:3 & Neemias 7:8) Estas passagens pretendem mostrar a quantidade de pessoas que voltaram do cativeiro babilônico. Compare o número para cada família: 14 deles discordam.
34. A terra vai durar para sempre (Salmos 104:5) (Eclesiastes 1:4).A terra perecerá (II Pedro 3:10) (Hebreus 1:10-11).
35. Deus fala a respeito de sacrifícios com os filhos de Israel libertos do egito (Levítico 1:1-9).Deus nega que houvesse dito algo sobre sacrifícios naquela ocasião (Jeremias 7:22).
36. O filho não deve ser castigado pelo erro do pai, ou vice-versa (Deuteronômio 24:16) (Ezequiel 18:20) (II Crônicas 25:4).Deus vinga a crueldade dos pais nos filhos até a quarta geração (Êxodo 20:5) (Deuteronômio 5:9).Todos os homens são culpados pelo pecado de Adão. A culpa passou de pai para filhos por diversas gerações (Romanos 5:12).
37. Jesus foi filho de José, que o foi de Jacob (Mateus 1:16).Jesus foi filho de José, que o foi de Heli (Lucas 3:23).
38. O pai de Salathiel foi Jeconias (Mateus 1:12).O pai de Salathiel foi Neri (Lucas 3:27)
39. Abiud é filho de Zorobabel (Mateus 1:13).Resa é filho de Zorobabel (Lucas 3:27).São citados os nomes de todos os filhos de Zorobabel, mas nem Resa e nem Abiud estão entre eles (I Crônicas 3:19-20).
40. Jorão era o pai de Ozias que era o pai de Joathão (Mateus 1:8-9).Jorão era o pai de Occozias, do qual nasceu Joás, que gerou Amazias, que foi pai de Azarias que, finalmente, gerou Joathão (I Crônicas 3:11-12).
41. Josias era o pai de Jeconias (Mateus 1:11).Josias era o avô de Jeconias (I Crônicas 3:15-16).
42. Zorobabel era filho de Salathiel (Mateus 1:12) (Lucas 3:27).Zorobabel era filho de Fadaia. Salathiel era tio dele (I Crônicas 3:17-19).
43. Sale era filho de Cainan, neto de Arfaxad e bisneto de Sem (Lucas 3:35-36).Sale era filho de Arfaxad e neto de Sem (Gênese 11:11-12).
44. Ninguém jamais viu a Deus (João 1:18, 6:46) (I João 4:12).Jacob viu Deus cara a cara (Gênesis 32:30).Moisés e os anciões de Israel viram Deus (Êxodo 24:9-11).Deus falou com Moisés cara a cara (Êxodo 33:11) (Deuteronômio 34:10).Ezequiel viu Deus em uma visão (Ezequiel 1:27-28).
45. Jesus curou um leproso depois de visitar a casa de Pedro e Simão (Marcos 1:29,40-42).Jesus curou o leproso antes de visitar a casa de Pedro e Simão (Mateus 8:2-3,14).
46. O Diabo levou Jesus primeiro ao topo do templo e depois para um lugar alto para ver todos os reinos do mundo (Mateus 4:5-8).O Diabo levou Jesus primeiro para o lugar alto e depois para o topo do templo (Lucas 4:5-9).
47. Quem crê no filho de Deus tem vida eterna (João 3:36).Quem ama a Deus e ao seu próximo tem vida eterna (Lucas 10:25-28).Quem guarda os 10 mandamentos tem vida eterna (Mateus 19:16-17).
48. O sermão conteve 9 beatitudes (Mateus 5:3-11).O sermão conteve 4 beatitudes (Lucas 6:20-22).
49. Jesus adquiriu Mateus como discípulo depois de acalmar a tempestade (Mateus 8:26).Jesus adquiriu Mateus (Levi) como discípulo antes de ter acalmado a tempestade (Marcos 2:14, 4:39)Obs: O contexto identifica Levi como outro nome para Mateus. Compare [Mateus 9:9-17] com [Marcos 2:14-22] e com [Lucas 5:27-39].
50. O centurião se aproximou de Jesus e pediu ajuda para um criado doente (Mateus 8:5-7).O centurião não se aproximou de Jesus. Ele enviou amigos e os anciões dos judeus (Lucas 7:2-3,6-7).
51. Jairo pediu a Jesus que ajudasse a sua filha, que estava morrendo (Lucas 8:41-42).Ele pediu para que Jesus salvasse a filha dele que já havia morrido (Mateus 9:18).
52. Jesus disse aos seus discípulos que deveriam andar calçados com sandálias (Marcos 6:8).Jesus lhes disse que não deveriam andar descalços (Mateus 10:10).
53. Deus confiou o julgamento a Jesus (João 5:22) (João 5:27,30 8:26) (II Coríntios 5:10) (Atos 10:42).Jesus, porém, disse que não julga ninguém (João 8:15,12:47).Os santos hão de julgar o mundo (I Coríntios 6:2).
54. A transfiguração de Jesus ocorreu 6 dias após a sua profecia (Mateus 17:1-2).A transfiguração ocorreu 8 dias após (Lucas 9:28-29).
55. A mãe de Tiago e João pediu a Jesus para que eles se assentassem ao seu lado no reino (Mateus 20:20-21).Tiago e João fizeram o pedido, ao invés de sua mãe (Marcos 10:35-37).
56. Ao sair de Jericó, Jesus se encontrou com dois homens cegos (Mateus 20:29-30).Ao sair de Jericó, Jesus se encontrou com somente um homem cego (Marcos 10:46-47).
57. Dois dos discípulos levaram uma jumenta e um jumentinho para Jesus da aldeia de Bethfagé (Mateus 21:2-7).Eles levaram somente um jumentinho (Marcos 11:2-7).
58. Jesus amaldiçoou a árvore de figo depois de ter deixado o templo (Mateus 21:17-19).Ele amaldiçoou a árvore antes de ter entrado no templo (Marcos 11:14-15,20)
59. Um dia após Jesus ter amaldiçoado a figueira, os discípulos notaram que ela havia secado (Marcos 11:14-15,20)A figueira secou imediatamente após a maldição ser posta (Mateus 21:19).
60. Jesus disse que Zacarias era filho de Baraquias (Mateus 23:35).Zacarias era filho de Joiada (II Crônicas 24:20-22).
61. Jesus manda amarmos uns aos outros (João 13:34-35).Você não pode ser um discípulo de Jesus a menos que já tenha aborrecido seus pais, seus irmãos, seus filhos ou sua esposa (Lucas 14:26).
62. Vestiram Jesus com um manto carmesim (Mateus 27:28).Vestiram Jesus com um manto púrpura (Marcos 25:17) (João 19:2).
63. Após Pedro ter negado Jesus, o galo cantou pela segunda vez (Marcos 14:30,57-72).O galo só cantou uma vez (Lucas 22:34,60-61) (Mateus 26:34,69-74)
Comentários (Total: 40 )
Postado por : Pereira Em : 14 2006 16:31
60. ASSASSINATO DE ZACARIAS - Aprecio ler a Bíblia e também os Apócrifos. Não se trata de uma contradição porque não está no compêndio oficial. Ambas as informações bíblicas postadas nesse Site estão erradas. Nem filho de Joiada e nem de Baraquias foi a vítima de assassinato no Templo de que Jesus mencionou. Para atender interesses inescrupulosos expurgaram o hoje denominado Proto-Evangelho de Tiago. Quem foi assassinado foi o pai de João Batista, de nome Zacarias. Veja no apócrifo capítulo XXIV a narrativa de toda a história do crime cometido e não seria conveniente, é claro, colocar essas informações nos cânones.

Capítulo XXV

1. Quando os sacerdotes se reuniram à hora da saudação notaram que Zacarias não veio ao encontro deles para abençoá-los, como era de costume. Ficaram, porém, esperando-o para saudá-lo na oração e para glorificar o Altíssimo.
2. Como demorava muito, passaram a ficar amedrontados. Um deles, tomando a iniciativa, entrou e viu sangue já coagulado ao lado do altar. Então ouviu uma voz que dizia: "Zacarias foi morto e seu sangue não deverá ser limpo até que chegue o vingador". Ao ouvir a voz, encheu-se de medo e saiu para contar aos sacerdotes.
3. Tomando coragem, estes entraram e testemunharam o ocorrido. Então os fundamentos do Templo rangeram e rasgaram as vestes de alto a baixo. Porém, o corpo [de Zacarias] não foi encontrado, mas apenas o sangue já coagulado. Cheios de medo, saíram e contaram a todo povo que Zacarias fora assassinado. E a notícia se espalhou por todas as tribos de Israel, que choraram e guardaram luto por três dias e três noites.
4. Terminado o tempo [de luto], os sacerdotes se reuniram para decidir quem ocuparia o lugar [de Zacarias]. A sorte caiu sobre Simeão, aquele que o Espírito Santo lhe dissera que não provaria a morte até que visse o Messias Encarnado.Espero ter colaborado e agradeçoJurandir Pereira Costa
Postado por : Pereira Em : 14 2006 16:33
CONTRADIÇÕES BÍBLICAS - Veja a discrepancia no relato da Genealogia de Jesus. Lucas foi a Judeia investigar tudo sobre o Iluminado. Recorrendo aos arquivos do povo e a verdade se aflorando, forneceram dados diferentes para que nao se soubesse o certo sobre a família de Jesus. É certo que o verdadeiro pai de Jesus nao podia ser revelado, pois o mesmo era uma pessoa muito influente junto a política, ao Templo e tudo mais e seus herdeiros ainda tinha influencias suficientes para distorcer os fatos quando da investigacao de Lucas.
Postado por : Pereira Em : 18 2006 07:50
Contradições Bíblicas – item 13 - Julgamento(Lv 19.15) - Você tem que julgar o próximo com justiça. (Mt 7.1) - Não julgue ninguém para não ser julgado. Lv 19.15 - Quanto à determinação contida nesse versículo, a base de apreciação da incoerência, salvo melhor juízo, não se vê qualquer desvirtuamento nesse ensinamento. A obrigatoriedade de julgamento com justiça, entende-se que, caso alguém queira reconhecer as boas ou más ações de um indivíduo, todas essas qualidades teriam que ser reveladas, ou seja, tudo que for possível atribuir ao caráter da pessoa avaliada.Mt 7.1 - Dizem, ser ensinamento de Jesus, mas parece ter origem na Escola Cínica dos filósofos socráticos, dentre eles Diógenes de Sínope. Entende-se que, as pessoas não devem formular antecipadamente nenhum conceito de outra pessoa sem o conhecimento completo ou aproximado do avaliado configurando-se assim como “preconceito”, incorrendo ter que responder por isso, como nos casos de racismo, condição social, deficiência, etc.
Jurandir Pereira Costa
Postado por : Pereira Em : 18 2006 07:57
ADULTERAÇÕES – Veja adiante uma cópia fiel de um parágrafo encontrado num sítio evangélico: “Temos vivido dias enganosos. Muitos têm sido enganados por falsificações, por fatos que aparentemente são reais, a tal ponto que, por eles, vão às ultimas conseqüências. Mas não são verdadeiros, são falsos, e esta é uma característica do diabo, de satanás, o pai da mentira, o pai da falsificação. E neste contexto as seitas são exatamente o que aparenta ser verdadeiro e por isso têm enganado a tantos. Como diagnosticar estas seitas?” Portanto, o que se pode dizer das falsificações contidas na Bíblia? Vejamos este exemplo: Em I Coríntios 11.3 - “Quero, entretanto, que saibas ser Cristo a cabeça de todo homem”.Em Efésios - 5.23 - “Cristo é a cabeça da igreja”. Nota-se que o eminente Paulo de Tarso, na maioria de suas epístolas definiu a posição do homem diante de Cristo, ou seja, "Cristo a cabeça do homem". Tenho averiguado que em outras epístolas figura o "Cristo a cabeça da igreja". Essa adulteração com o intento de favorecer alguma instituição visto que quando Paulo escreveu aos coríntios ainda não existia a Igreja, apenas reuniões avulsas a fim de fundar uma religião. A verdadeira igreja só foi formada depois de uma compilação de todas as epístolas contidas no NT para a sua fundação. Creio que a intenção de Paulo se destina ao benefício do homem e não da igreja, pelo menos naquela época. Em Efésios 5.22/33, profundas alterações se tomarmos por base a intenção de Paulo em que o Homem se despisse do velho homem e se revestisse do novo homem, então o objetivo é o HOMEM e não a igreja. Nesse texto toda palavra “homem” foi substituída pela palavra “igreja” para atender interesses diversos.
Jurandir Pereira Costa
Postado por : Visitante Em : 24 2006 22:43
parabenizo a todos os irmaos espiritas deste site,principalmente neste artigo AS CONTRADIÇOES DA BIBLIA,sabemos que a biblia ja foi adulterada muitas vezes,basta-se ver que os ortodoxos tem sua biblia,os catolicos a sua,os evangelicos a sua ,os judeus a sua ,os testemunhas de jeova tambem tem a sua tradução, isso sem contar as falhas dos tradutores no que tange ao hebraico,grego e aramaico,nenhum ser humano pode seguir ao pé da letra algumas instruçoes contidas lá,creio que exista muitas coisas boas que podemos tirar de lá,porem a coisas que fogem do racional,do cientifico e do natural,é um bom livro como muitos outros existentes.Abraços.ALBERTO
Postado por : Visitante Em : 4 2006 14:51
Li um livro, bastante significativo para mim, a respeito dos pontos polêmicos da Doutrina Espírita, dentro da Biblia.Jayme Andrade (O autor) fala da Reecarnação, comunicabilidade entre "vivos" e "mortos", pluralidade dos mundos habitados, salvação, dentre outros assuntos...Todos estes assuntos dentro da Bíblia, com bastante coerência, Interessantíssimo."O Espiritismo e as Igrejas reformadas"Autor: Jayme AndradeEditora SedaSe tiver interesse acessar:www.livroluz.com
Postado por : lucia Em : 16 2006 16:37
Enriquecedora essa iniciativa, é muito importante conhecermos os fundamentos históricos "lógicos", expostos com clareza científica independente de doutrina. É muito importante conhecermos o ponto de vista destes grandes espíritos desde o princípio dos tempos. É uma pena que até hoje, não tenhamos pesquisas/debates nas escolas para que as nossas crianças desenvolvam a sua própria fé. Sem preconceito e com a razão lógica dos fatos. Meus filhos estudam em colégio de orígem católica, a cada ano que se passa um "elemento religioso", uma informação diferente lhe é apresentada quanto aos designos de Deus. Ora, é um Deus que pune, ora é um Deus que tudo perdoa, ora é um Deus que castiga. Segundo minhas orientações, eu determinei-les que ao ser indagado quanto a sua religião, eles respondessem com outra pergunta: Qual seria a religião de Deus? Como eu tinha certeza do siêncio, eles assim repondessem: Deus nunca pregou a individualização do amor e sim a sua coletividade, e desta forma, livres, laicos e espiritualistas alimentaremos a nossa fé comungando deste imenso amor, sem preconceito nem ignorância.
Lúcia Helena

Postado por : Visitante Em : 20 2007 11:01
sou espirita a 17 anos mas sempre tenho respeitado muito a biblia nos devemos estuda a biblia mais profundamente e nao busca denegrila
hoje a humanidade vevi uma carencia muito grande de jesus e primeira fonte para conhecer jesus na humanidade é e sera a biblia
A fonte de luz da humanidade
Postado por : Pereira Em : 20 2007 20:33
Também sou espírita há mais de 40 anos e conheço a bíblia de frente para trás e de trás para frente, além de sua história como foi e para que foi escrita. Como acreditar em tudo que está escrito nela se cada religão tem um bíblia própria? Tenho a Bíblia como um monumento histórico e nela contém muitas coisas lindas, muitos ensinamentos de valor, mas em contrapartida tem muitas contradições elaboradas ao sabor de interesses. É só estudar a história que lhe acompanha e verás ou verão que há muitos erros gritantes que não suportam ao estudo de um raciocínio apurado, de inteligência e cultura. A Bíblia foi o primeiro documento elaborado para servir de Constituição na criação do Cristianismo, após tres séculos da morte de Jesus, a mando do Imperador Constantino de Roma. Tudo nela foi escrito de acordo com a vontade desse Imperador e de seus súditos. Para mim, ela jamais foi a palavra de Deus, apenas expressões literárias da época em cada livro foi escrito contando a história de um povo. Tenho até pena e compaixão de certos adeptos ou prosélitos que acreditam piamente nesse livro. Não resta dúvida de que, como o próprio Paulo de Tarso disse: "Retenha o que é bom e despreze o que não presta" e, essa medida também serve para a própria Bíblia que apenas espelha a história de um povo no Velho Testamento e espelha também a forma de como foi criad o Cristianismo através do Novo Testamento.
>Observem como vejo a Bíblia apenas num ponto: "Eu e o Pai somos um". Na verdade não acredito que esse pai que Jesus falou seja o Criador do Universo, mas o seu próprio pai genitor, de corpo e alma, seu pai carnal. Jesus disse isso para explicar de como seu pai paracia com ele fisicamente. Como se diz o ditado: "A cara de um o mesmo que o focinho do outro", ou seja, a cara do pai, sem tirar e sem por. Pois é assim que eu vejo a Bíblia.
>Outra coisa é a estrela que os Magos viram. Uma atriz de cinema hoje é uma estrela, por que tem fama. Pelé é o rei do Futebol por que tem fama. O política tem uma estrela, o mesmo que fama. Nos tempos de Jesus ele era esperado para ser rei de Israel e sua fama, ou seja, a sua estrela, foi muito comentada no Oriente, então os magos vieram visitar o menino por causa de sua fama e não por que tinha aparecido qualquer estrela guiando alguem na frente e fazendo paradas por alí e por acolá. Um verdadeiro mito com o seu poder de persuasão de mentes pueris e consciências fracas. Na verdade, Jesus foi um grande homem, igual ou melhor do que muitos que apareceram pela história, mas essa de ser filho de uma divindade, isso é coisa muito antiga e já está fora de moda. Alertem-se.
JURANDIR PEREIRA

Postado por : Vivi Em : 21 2007 16:18
Eu nunca li a Bíblia com intenção de estudá-la, mas sempre ficava intrigada e curiosa para saber como ela havia sido escrita...
Lendo o livro "Médicos de Homens e de Almas", pude perceber que São Marcos, interessado na História de Jesus de Nazaré, decide fazer anotações sobre as experiências vivenciadas por ele naquela época, logo após a crucificação de Jesus. Os outros apóstolos, por sua vez também deixaram por escrito as histórias vivenciadas por eles, como São Pedro, Paulo de Tarso...
E assim, a Igreja católica, que tinha interesses políticos, deixou que divulgassem só que fosse de interesse dela (um exemplo bem claro a omissão da crença na REENCARNAÇÂO e na COMUNICAÇÂO COM OS ESPÌRITOS ) para dominar e amedontrar os cristãos.
Dái podemos perceber que as incoerências são muitas...
Vários escritos, vários autores , uma mesma história e um só interesse, até que Calvino reencarna e começa a mudar este dogma.
E graças a Calvino, hoje podemos ter acesso a várias leituras de e encontrar estas incoerências...
E melhor ainda, estudar mais o Evangelho, pois Jesus falava para pesacadores e por metáforas. Precisamos ler o que foi escrito há 2000 anos e reportar para os dias de hoje. E praticar o AMOR...
Um sugestão: assistam o DVD Calvino e leiam o livro "Francisco de Assis".

Postado por : Vicky Em : 21 2007 17:02
Gosto de ler a Bibilia além do Evangelho segundo o Espiritismo. Abrindo a primeira aleatoriamente, recebo conselhos, sinais de uma presença Divina que através do tempo inspirou e continua inspirando os homens .
Por outro lado, acredito que a Bibilia tenha sido escrita por homens que buscavam como os demais de todos os tempo, o caminho da salvação. Devemos compreender que a escritura encontra-se consequentemente, baseada na compreensão espiritual daquela época .
Leio-a pois com discernimento . Nossa fé não deveria ser racional?
Paz e luz para todos.
Vicky
Postado por : Visitante Em : 22 2007 17:32
Nós aprendemos que no mundo se existiu Adão e Eva.Tiveram dois filhos Caim e Abel.Caim matou Abel e fugiu.E outro povoado Caim casou-se e constituiu familia como? Se a única mulher do mundo era sua mãe Eva. Tenho esta dúvida.
Postado por : Pereira Em : 23 2007 16:06
É meu amigo, por aí se vê as incoerências que exisstem nesse volume de livros. Tudo aquilo que não se encaixa na razão ou foge do racicínio lógico pode saber que é uma lenda ou mito, tal como o visitante expôs sua dúvida. Incogruências iguais a esta fazem parte de um grande pacote de coisas desconexas, sem pé e sem cabeça, para iludir os pobres de conhecimento induzindo-lhes que apenas acreditar resolve tudo e na verdade não ensina nada. Pessoas que acreditam nessa lenda de Adão e Eva fazem parte de uma faixa evolutiva muito a desejar, são espíritos novos ainda vinculados ao primitivismo espiritual e ainda carece de estudar e conhecer o bastante para sair dessas trevas que os atormenta. Cair na real.
A lenda da criação no contexto bíblico é quase uma cópia perfeita de outras lendas veiculadas bem antes na região da Mesopotâmia e da antiga Índia, extraída de outros livros sagrados como o Avesta e o Vedas. A história da criação na Bíblia foi resultado de uma compilação de tradições orais poucos séculos antes de Cristo, ou melhor, após a libertação do cativeiro de Babilônia, ocasião em que os judeus reconstruíram o seu templo e estabeleceu-se a primeira Constituição Teocrática de seu povo para governar melhor a situação crítica em que se encontravam depóis do exílio. Lá na Babilônia, enquanto cativos, os judeus aprenderam muito com os persas e medos e dessa civilização foi de onde se copiou quase idêntica uma história da criação do mundo, inclusive valendo-se de seus próprios registros genealógicos para autenticar uma esteira de descendências ao longo do tempo até chegar a Jesus.
Outra coisa importante meu amigo, muito intrigante por sinal, pessoas que acreditam em tudo que está escrito na Bíblia pertencem a diversos estratos sociais. Uma pessoa rica e inteligente não quer dizer que possui uma evolução espiritual condigna com sua posição social. Em se tratando de certos políticos aí a coisa complica mais, mazelas de todas espécies eles praticam como corruptos e empresários corruptores, ambos na conspiração contra a pobreza, fazendo-a mais pobre ainda e, os ricos cada vez mais ricos desequilibrando a distribuição de rendas, religiões ficndo poderosas economicamente e financeiramente, eis ai os resultados, fome, sem terra, sem teto, sem saúde, sem educação e sem tudo. Este é o mundo em que vivemos e, enquanto os humanos não se despertarem que estão ludibriados por todos os lados e passarem a observar as coisas por outros ângulos, ficarão sempre à mercê de certos espertinhos que pensam que estão contribuindo para a Humanidade, mas na verdade estão prejudicando aqueles que honestamente tentam subir mais um degrau na vida e são usurpados de seus direitos. São essas coisas, o poder do mito, influenciando a formação da personalidade humana.
JUANDIR PEREIRA
Postado por : Lele Em : 10 2007 22:13
Devemos ler a bíblia, o evangelho sem buscarmos as contradições, mas a essência, tirando as nossas conclusões e absorvendo o essencial para a nossa transformação moral e conduta no planeta terra. Sê conseguirmos praticar pelo menos uma máxima do Cristo com o coração voltado ao próximo sem esperar nada em troca estaremos no caminho certo. Em tudo na vida hà controversias e nós não estamos preparados para compreender. Levanta-se suspeitas, questiona-se, mas estamos muito longe de uma compreesão das coisas do alto. Como o homem interpretou, foi de acordo com sua compreensão limitada. Temos muito o que aprender, mais ainda o que fazer, em benefício do próximo para a nossa ascensão relativa, nessa nova oprtunidade. Sigamos á diante , fortalecendo nossa conduta na pratica do bem e do amor ao próximo para que seja dado a cada um segundo o seu merecimento.
Postado por : Visitante Em : 10 2007 00:33
gostei muito de ler sobre as contradições da biblia ,sou espirita a 20 anos e estou muito feliz em poder participar. espero que logo as pessoas entendam que só o amor fraternal pode mudar o mundo para melhor. parabens pela matéria.
Postado por : Visitante Em : 11 2007 15:09
Uma das coisas que mais intriga a minha mente é ver que os que seguem a Bíblia e se dizem Cristãos ( por conseguinte seguidores do Cristo), se aferram a letra, sem a preocupação fundamental de contextualizá-la. Hora, estamos no ano 2007.
Por outro lado, como compreender o pensamento de alguém que se diz Cristão e ainda concebe um Deus vingativo ( deve-se temer a Deus); que se intitula salvo somente pelo título de religiosidade que possue; que acha que todos os demais estão perdidos por que ainda não aceitaram Jesus. No entanto, sempre que mostra o caminho da salvação, faz referência, preferencialmente, ao Velho Testamento.
Deus nunca escreveu nada. Jesus não escreveu absolutamente nada. O conteúdo da Bíblia é resultado de um registro histórico do povo Hebreu (com todas as características humanas: sentimentos elevados, mas, sentimentos equivocados também). O novo testamento, se constitui de registros feitos, também, pelos seguidores de Cristo, testificando os seus ensinamentos morais que sem sombra de dúvida se constituem no ponto onde todos os Cristão encontram ponto de união.
No entanto, não podemos esquecer, que também ele sofreu alterações comprometedoras depois que o Cristianismo Primitivo foi transformado em religião oficial do Ipério Romano. E, mais ainda, na atualidade, cada Igreja procura interpretá-la, de tal maneira que garanta a sua superioridade sobre as demais. Estão mais preocupados com os seus interesses do que em vivenciar fielmente o ensinamento do Cristo.
O que nos faz diferentes dos demais animais é a capacidade de raciocínio, pesquisa , "fazedores de cultura". Parece-me que alguns companheiros estão com as suas capacidades de raciocínio paralizadas. Amái-vos , mas, instruívos.
Ser inteligente e utilizar o raciocínio nunca foi proibido por Desu , nem por Jesus.
Ser fiel a Jesus, não significa permanecer na ignorância.
Postado por : Visitante Em : 11 2007 21:52
Eu acredito em jesus.Mas certas partes da biblia deixam-me céptica.Depois a igreja revela-nos certas coisas que mais nos pôem em dúvida.E o que há de verdade que rezar pelos mortos depois das 21 horas é negativo?Tudo isto por vezes nos deixa sem saber o que pensar e na verdade que os padres nos tentam transmitir.Eu creio em jesus e em Deus Nada de mal nos pode vir deles.
Postado por : Visitante Em : 28 2007 16:35
CONTRADIÇÕES BÍBLICAS1-Podemos amar a Deus sem vê-lo?(1Pedro1:8)(1João4:20)2-Quantos Israelitas morreram num só dia por cometerem fornicação?(Números25:9)(1Coríntios10:8)3-Será que Deus foi visto por alguém?(Êxodo33:11)(Êxodo33:20)(João1:18)(1Timóteo6:16)4-Podemos entrar em cidade de Samaritanos?(Mateus10:5)(Atos1:8)5-Devemos julgar as pessoas?(Mateus7:1)(João7:24)6-Será que alguém subiu ao céu?(2Reis2:11)(João3:13)7-Devemos responder ao tolo segundo a sua estultícia?(Provérbios26:4)(Provérbios26:5)8-É bom que o homem esteja só?(Gênesis2:18)(1Coríntios7:1,27)9-Por que Sansão tocou em mortos e não deixou de ser Nazireu?(Números6:6-12)(Juízes14:19)10-O homem tem domínio sobre o espírito?(Eclesiastes8:8)(1Coríntios14:32)11-Os companheiros de Paulo ouviram uma voz?(Atos9:7)(Atos22:9)12-Por que foi permitido aos homens israelitas se casarem com as cativas de guerra,quando a lei mosaica proibia o casamento com estrangeiras?(Deuteronômio7:1-3)(Deuteronômio21:10,11)13-Visto que os levitas não tinham herança no Antigo Israel,como podia o Levita Hanameel vender um campo ao seu primo Levita,Jeremias?(Números18:20)(Jeremias32:7)
14-Podemos crer sem vê?
(João4:48)
(João20:29)15-Que homem há,que viva e não veja a morte?(Salmos89:48)(Hebreus11:5)(2Reis2:11)16-O homem é justificado pela fé ou pelas obras?(Romanos3:28)(Tiago2:24)17-De quem Pasur é filho?(Jeremias20:1)(Jeremias21:1)18-Como Saul foi morto?(1Samuel31:4,5)(2Samuel1:9,10)19-Será que Saul buscou a Deus?(1Samuel28:6,15)(1Crônicas10:13,14)20-O Nazireu podia beber vinho?(Números6:3,4)(Números6:20)21-O que acontecerá a uma nação pecadora,se justos forem encontrados ali?(Gênesis18:23-33)(Ezequiel14:12-23)22-Será que Deus se arrepende?(Gênesis6:6)(Números23:19)24-Será que a declaração de Jesus em Mateus 8:22 contradiz o quinto mandamento da lei mosaica que diz "honra a teu pai e a tua mãe" e a responsabilidade Judaica de providenciar um sepultamento apropriado conforme ordenado em Deuteronômio?(Mateus8:22)(Lucas9:60)(Êxodo20:12)(Deuteronômio21:22,23)25-Onde Raquel foi sepultada?(Gênesis48:7)(1Samuel10:2)26-Como entender as palavras de Jesus em Mateus 24:1,2 visto que algumas partes do templo ainda estão de pé?(Mateus24:1,2)(Marcos13:1,2)(lucas21:5,6)27-Segundo Marcos lemos que os dois ladrões que foram crucificados com Jesus o injuriaram.Como relacionar essa passagem com Lucas,que diz que um deles se arrependeu?(Marcos15:32)(Lucas23:40-43)28-Se é obrigatória a fé do enfermo para a realização do milagre,como explicar a cura do cego de nascença e do coxo que foram feitas sem que a fé fosse exigida?(Mateus21:22)(Tiago5:14,15)(João9)(Atos3)29-Será que Sísera foi morto enquanto bebia leite ou enquanto dormia?(Juízes5:25-27)(Juízes4:21)30-Os demônios podem dizer a verdade?(Marcos1:24)(João8:44)31-O escritor Bíblico Mateus diz que um oficial de exército veio pedir um favor a Jesus,ao passo que Lucas diz que para isso foram enviados representantes.Qual dos dois é correto?(Mateus8:5)(Lucas7:2,3)32-No que diz respeito à promessa de Jesus de que ele rogaria ao Pai por nós,existe contradição entre as passagens bíblicas abaixo?(João14:14-16)(João16:26)33-Deus é Deus de mortos?(Marcos12:27)(Romanos14:9)34-Quem é o autor de Romanos?(Romanos1:1-7)(Romanos16:22)35-Em que momento foi celebrada a última ceia:antes ou no mesmo dia da Páscoa?(Marcos14:12-16)(João13:1,2)36-Deus leva em conta os pecados cometidos na ignorância?(Levítico5:17-19)(Atos17:30)37-por que os Israelitas não puderam expulsar os Jebuseus e os Cananeus de suas terras como previa o Senhor em Deuteronômio?(Deuteronômio7:1)(Josué15:63)(Josué 16:10)38-Quem matou Golias?(2Samuel17:1-58)(2Samuel21:19)39-A quem Elanã matou?(2Samuel21:19)(1Crônicas20:5)40-Segundo a Bíblia,os demônios não têm o dom de profecia,tampouco podem falar pelo Senhor.Então,como devemos entender a revelação que Samuel deu a Saul em 1Samuel?(1Samuel28:19)41-Quem incitou Davi a numerar a Israel e a Judá?(2Samuel24:1)(1Crônicas21:1,2)42-Como poderia Davi governar Judá por 7 anos se Isbosete,filho de Saul,governou somente 2 anos durante o mesmo período?(2Samuel2:10,11)
Postado por : bartolazzi Em : 1 2007 18:10
Este TEMA entre outros, me atrai. Por isso, penso que as pessoas de mente abertas/questionadoras, que tenha detectado alguma contradição, cite-a, pois estará ajudando aos que gostam do assunto a enriquecer ainda suas pesquisas. Penso que se examinarmos a bíblia separando o joido do trigo, veremos verdades incontestes, pensamentos de sabedoria, regras de comportamento saudável para qualquer sociedade, mas ser a palavra de Deus, é algo inadmissível, pelas monstruosidades ocorridas e coladas como a mando de deus.
Alguns negam a reencaranção dizendo que o apóstolo Paulo disse que o homem só morre uma vez (claro, no mesmo corpo sim), porém, esquecem que, a considerar como real (e não um estado cataléptico ou coisa parecida - levando-se em conta os meios que se tinha à época para atestar a morte) a morte de Lázaro, vamos ter que admitir que ele MORREU duas vezes, contrariando assim o pensamento de Paulo.
Precisamos ter amor pela verdade, ainda que precisemos cortar na própria carne.


Postado por : Visitante Em : 16 2007 18:58
Nenhum homem é capaz de desvendar os designios de Deus. A história por si só demonstra a ignorancia do homem em atribuir a Deus a culpa pelo seu sofrimento. Se Deus fez, e fez..Se Deus disse,e disse, foram maravilhas que o homem jamais vai compreender, enquanto não compreender definitivamente a lei do amor.
Postado por : dindin Em : 22 2007 12:39
E dizem os céticos,onde está Deus,com tanta desgraça sobre a terra ?
O homem interpreta a Biblia,como melhor convém no momento....Se entrarmos em vários templos veremos que,pastores,padres,...cada um a interpreta de uma forma diferente...A verdade é uma só,mas as estórias ou mesmo histórias têm vários angulos..._Cada um vê de um deles,e,interpreta de várias maneiras,da forma mais conveniente.O que dizer da obra tão famosa CAVALO DE TRÓIA ?...Que diz que cristo não morreu na cruz?....
Então eu pequena ainda em sabedoria,aquela que pretende morrer aprendendo,digo...Existe maior prova que DEUS existe,do que o nascimento de uma criança????..Tentem imaginar se conseguiriam pola de volta no mesmo espaço!!!!
Cada dia que amanhece....Cada flor que se abre.....cada novo aprendizado...
Adão e Eva,são figuras como chapeuzinho vermelho e o Lobo mau figurativas....Acreditamos nas estórias quando não temos maldade,quando ainda crianças...N/acontece o mesmo c/a Biblia,perdemos a FÉ??????.
Postado por : Marta Em : 22 2007 21:32
Essas contradições ocorreram por conta daqueles que procuraram defender seus próprios interesses acima de tudo, até mesmo da verdade.Sabemos que a bíblia sofreu muitas alterações, com as traduções, e adulterações.
Mas o homem é responsável por seus próprios atos por seu livre arbítrio e deve responder pelas consequências.
E talvez nós mesmos através da multiplicidade das existências, provocamos estas adulterações e hoje estamos aqui, abraçando a causa de levarmos à luz da razão, os ensinamentos verdadeiros.
Não queremos dizer que a bíblia seja falsa, em hipótese alguma.Mas sim que os homens são falhos ainda e trazem imperfeições à serem corrigidas.E pelo fato de ser a bíblia, escrita, traduzida por humanos, pode conter também falhas que devem ser analizadas tirando-se o véu da letra, lembrando que de um Pai misericordioso, amoroso, justo, bom, perfeito, somente poderão advir palavras do mesmo porte.
E que a luz se faça presente com muita paz no coração para que tudo seja analisado com sentimento de amor.
A bandeira que todos deveremos erguer, independente de religião, crença ou raça, é a do Cristo, a do amor e da caridade, que deverá reunir todo o rebanho à um só pastor.
Abraço à todos.
Postado por : Visitante Em : 8 2007 18:47

Talvez a maior contradição é a lei do dizimo...
Dai a Caesar o que é de Caesar e a Deus o que é de Deus...
Como disseram, o importante é extrair a essência do bem .. Jesus é amor , muito do lado espiritual. O resto são besteiras (em especial a invenção do dízimo), coisas atribuidas aos Judeus mas que foram bem convenientes para a Igreja Católica.. Acho que no começo dos séculos, imagino algum Romano sentado com algum escrivão , falando, isto tira (pode gerar uma rebelião), isto deixa (lucros,poder)... coloca também que se não pagar o dízimo está roubando a Deus , etc,etc, Com o tempo , em razão da ganância da igreja (talvez Papas ,Cardeais,etc), outros da mesma "facção",sentiram-se revoltados por não receberem a participação % justa ($ , propriedades roubadas), ai começaram a Protestar , então dividiram a igreja e assim sucessivamente.. Hoje vemos um monte de vagabundos enriquecendo às custas dos pobres e observem que cada vagabundo destes tem alguma relação de parentesco ( ex cunhado,etc).. Acho que a exemplo da Católica , a principio algum cara inteligente, vendedor e marketeiro, lá no Rio de Janeiro/Espirito Santo (observem os DDDs para comprar biblias,etc) inventou uma forma de ganhar dinheiro, aproveitando que a igreja católica já não mais estava divulgando milagres e até tradicionais benzedeiras já estavam em extinção (a igreja no Católica se acomodou e este foi o "pulo do gato"). Foi a oportunidade de expandir ...os outros, invejosos (por isto são ex ) , inventaram outras denominações (concorrentes) .. ou quem sabe , as outras denominações são só fachada que reportam para o mesmo presidente.. ENFIM, independente da religião o que vale é o amor, a atitude , solidariedade ( AMAI AO PRÓXIMO COMO EU VOS AMEI ou NÂO FAÇA AO PRÓXIMO AQUILO QUE NÃO GOSTARIA PARA SÍ) ...Estas frases bem entendidas podem substituir qualquer livro sagrado... E independente da religião, vemos excelentes pessoas de Deus, do Bem, Evangélicos, Católicos, Espiritas, Protestantes, Batistas, Budistas, Judeus,etc..

8 comentários:

Paulo disse...

É bom conhecer e relembrar a seguinte verdade: nenhum filósofo, nenhum lógico, nenhum matemático, nenhum teólogo, nenhum cientista ou qualquer outra pessoa, no passado ou no presente, jamais encontrou uma única contradição nas páginas da Bíblia. Fizeram-se e fazem-se tentativas de mostrar que a Bíblia é inexata e contraditória, às vezes querendo fazer com que os leitores, seguidores e divulgadores da mensagem da Bíblia sejam vistos como desprezíveis, ignorantes, tolos ou ridículos. Porém, invariavelmente, as pessoas que alegam contradições na Bíblia o que fazem é o seguinte: (1) escolhem duas ou mais sentenças bíblicas; (2) escolhem uma interpretação incompatível ou contraditória para essas sentenças; (3) e depois afirmam que a Bíblia é contraditória. O certo é que a Bíblia é um todo coerente. Na verdade, todas as alegadas contradição residem na INTERPRETAÇÃO que essas pessoas decidiram escolher, quando está disponível e acessível a todos, normalmente através do contexto ou de outras passagens bíblicas, a interpretação compatível, não-contraditória e razoável das passagens bíblicas que podem, à primeira vista, suscitar alguma dificuldade de compreensão. Deste modo, a contradição que essas pessoas alegam NÃO reside no que a Bíblia diz, mas naquilo que ELAS, segundo a prévia interpretação que decidiram escolher, DIZEM que a Bíblia diz ? mas que a Bíblia realmente não diz. Naturalmente, no exercício, do meu livre-arbítrio, eu sou livre para, de um cesto de maçãs que tem à vista maçãs boas e maçãs podres, escolher tirar uma maçã podre. Problema meu. Também, perante a Escritura, sou livre para ESCOLHER uma interpretação contraditória, mas aí também o único responsável por isso sou eu. Não poderei jogar as culpas na Bíblia ou em outras pessoas, por isso. Às vezes, esforçando-me por conseguir a boa interpretação, eu posso ter dificuldade em ver qual seria essa interpretação correta de certa passagem bíblia. É interessante que a Bíblia contém pelo menos uma situação igual a essa, que é a do eunuco etíope. No livro de Atos 8:26-38, esse homem de religião judaica temente a Deus estava lendo o texto de Isaías 53:7,8 e estava tendo dificuldade na interpretação dessa passagem bíblia. O evangelizador Filipe abordou-o e informou-o de uma interpretação de Isaías 53:7 e 8 diferente da interpretação que os líderes religiosos do judaísmo lhe propuseram e que ele tinha aceito até ali. Esse homem instruído, membro do Governo da Etiópia, humildemente aceitou a interpretação proposta pelo evangelizador Filipe, com um resultado muito feliz.

Abner disse...

Sou pesquisador da net, Saiba o real significado do RA-TIM-BUM em nosso site

http://www.assembleiabelem.br22.com/word/forum1.html

Saiba alguns significado de algumas palavras em nosso blog, aprenda para ensinar

Saiba qual o erro do novo CD da damares

http://www.assembleiabelem.br22.com/word/musica4.html

Aproveite e Acesse nosso site

www.assembleiabelem.br22.com

Anônimo disse...

Vi algumas contradições citadas sendo refutadas nesse site aqui: http://neoateismodelirante.blogspot.com.br/2013/09/contradicoes-na-biblia.html

será que precede?

Anônimo disse...

Submetidas as alegadas contradições da Bíblia à análise científica proporcionada pela maquinaria pesada da semântica, da sintaxe, da pragmática e da lógica, verifica-se que nenhuma dessas «contradições» é genuína. Todas são fabricadas pelo intérprete, pelo tradutor ou por ambos, através de uma operação ou manobra de acréscimo de texto que não consta no texto da Bíblia.
Muitas dessas pessoas que dizem que a Bíblia tem contradições nem sequer sabem o que é a Bíblia. A Bíblia é um livro em língua hebraica (com alguns trechos em aramaico) e em língua grega, composto de contributos de cerca de quarenta escritores, começando por Moisés, no ano 1513 antes da nossa era, e terminando em João, no ano 98 da nossa era. Designemos por a esse livro, a Bíblia. Acontece que o objeto a tem sido traduzido para muitas línguas. Designemos por x uma qualquer das traduções de a. Observe-se que a e x são objetos distintos. Por exemplo, todo o x é posterior a a e nenhum x é escrito, nas mesmas passagens, na língua hebraica, aramaica e grega do tempo de a; ademais, a pode existir sem existir x, mas x não pode existir sem existir a, e a é absolutamente independente de x, sendo que nada do que afeta x afeta a. Ora, a simples inspeção ao site da Bíblia do Cético Comentada revela que aí se não trata do objeto a, a Bíblia. Aí se trata de um objeto x, que é distinto. A Bíblia não é um livro em língua portuguesa, nem em língua inglesa. Nestas línguas o que existe são traduções. Note-se até que há pelo menos uma organização religiosa que traduziu a Bíblia para a língua portuguesa e que, em vez de intitular essa obra Bíblia, ou Bíblia Sagrada ou Escrituras Sagradas, intitulou-a Tradução do Novo Mundo das Escrituras Sagradas. É uma tradução. Assim, as pessoas sabem o que têm em mãos. Por conseguinte, alguém que queira demonstrar uma inconsistência ou contradição na Bíblia tem de falar da Bíblia. Se, em vez disso, falar de uma tradução e, portanto, se passar de eventuais contradições, erros ou incongruências do objeto x para daí se concluir que existem contradições, erros e incongruências no objeto a, que é distinto de x e anterior a x, comete um vício lógico referenciado na literatura da especialidade como «falácia do espantalho», e seus argumentos não merecem a mínima credibilidade. Os proponentes e defensores de tais argumentos viciados pela falácia do espantalho expõem-se ao ridículo perante a comunidade científica, filosófica e acadêmica.

Anônimo disse...

Todo o raciocínio em que se baseia a Bíblia do Cético Comentada assenta nesta falácia do espantalho e, por isso, de uma só vez, fica demonstrado que a Bíblia do Cético Comentada nenhuma prova faz quanto a sequer uma qualquer alegada contradição de todas as alegadas contradições da Bíblia. O fracasso é completo.
Adicionalmente, algumas dessas pessoas que dizem que a Bíblia tem contradições nem sequer sabem o que é uma contradição. As contradições são problemas lógicos e não problemas literários. Convém recapitular o que é uma contradição. A ciência que estuda as contradições é a Lógica. De acordo com a Lógica, uma contradição é uma frase, proposição ou fórmula do género «este homem casado é solteiro», «aquele animal é todo preto e todo branco», «desenhei um triângulo quadrado» ou «a Bíblia é divinamente inspirada e a Bíblia não é divinamente inspirada» ou «é proibido matar e não é proibido matar». Acresce que – como lembra a Enciclopédia de Termos Lógico-Filosóficos (de João Branquinho/Desidério Murcho, sob a entrada «Contradição» –, só existe contradição quando uma frase, proposição ou fórmula «é falsa em todas as interpretações», ou seja é falsa em todas as situações possíveis. Ora, as pessoas com conhecimentos científicos adequados sabem que a Bíblia não tem e não pode ter contradições, visto que, para isso, seria necessário (1) selecionar pelo menos duas frases da Bíblia, (2) demonstrar que cada uma dessas frases só pode ser verdadeira numa única situação; (3) demonstrar que não existe nenhuma situação em que ambas as frases sejam verdadeiras. Simplesmente, é impossível fazer a demonstração de (2) e (3). Na verdade, a Lógica e a Matemática ensinam-nos que há coisas que não existem. Por exemplo, não existem quadrados redondos, nem existe um número maior que os outros todos, e não existe nem é possível descobrir ou inventar um calmante que excite as pessoas. Semelhantemente, a Lógica e a Matemática, em particular a Teoria dos Conjuntos, ensinam-nos que é impossível encontrar contradições na Bíblia. Tentar encontrar uma contradição na Bíblia é a mesma coisa que tentar encontrar um homem solteiro que seja casado. Esta é a segunda razão pela qual os proponentes e defensores da tese de que a Bíblia contém contradições se expõem ao ridículo perante a comunidade científica, filosófica e acadêmica.
Assim, mesmo que a Bíblia do Cético Comentada analisasse a própria Bíblia – e não uma tradução –, afastando, deste modo, a falácia do espantalho, o seu fracasso em provar qualquer contradição da Bíblia é sempre completo e absoluto, como a Lógica o demonstra.

Anônimo disse...

A Bíblia é um livro em língua hebraica (com alguns trechos em aramaico) e em língua grega, composto de contributos de cerca de quarenta escritores, começando por Moisés, em 1513 antes da nossa era, e terminando em João, no ano 98 da nossa era.
A Bíblia do Cético Comentada formula uma das muitas alegadas contradições da Bíblia nos seguintes termos: «Adão pode comer de qualquer árvore? Adão pode comer de toda árvore. [Gn 1:29] Há uma árvore da qual ele não pode comer. [Gn 2:17]»
Representemos por A a sentença «Adão pode comer de qualquer árvore» e por B a sentença «Há uma árvore da qual Adão não pode comer.»
A Bíblia do Cético Comentada entende que, de acordo com Gênesis 1:29, é verdade que A e, de acordo com Gênesis 2:17, é verdade que B, sendo que as sentenças A e B são a negação uma da outra: se uma é verdadeira, a outra é, necessariamente, falsa. Logo, a Bíblia contém esta contradição.
Consideremos os textos da Bíblia em causa, na tradução feita por João Ferreira de Almeida (1628-1691], com grafia atualizada.
Gênesis 1:29 reza: «E disse Deus: eis aqui, vos tenho dado toda erva que dá semente, que está sobre a face de toda a terra; e toda árvore em que há fruto que dá semente ser-vos-á para comida.»
Por seu turno, Gêneses 2:17 reza: «Porém da árvore da ciência do bem e do mal, dela não comerás: porque no dia em que dela comeres de morte morrerás».
Procedamos agora à análise lógica dos textos em causa.
Em harmonia com Gênesis 1:29, Adão tem a liberdade ou permissão de comer de qualquer x tal que x é árvore, em x há fruto e x dá semente. Seja C a classe, a que pertence x¸ definida em Gênesis 1:29 pelos três predicados «é árvore», «em que há fruto» e «dá semente». De qualquer elemento desta classe, C, Adão pode comer. Para haver contradição, ou seja, para se negar a sentença A – «Adão pode comer de qualquer árvore» – basta que Adão não possa comer de apenas um membro desta classe C.
Em harmonia com Gênesis 2:17: Adão não pode comer, ou está proibido de comer, de y tal que y é árvore e y é da ciência do bem e y é da ciência do mal. Seja D a classe, a que pertence y¸ definida em Gênesis 2:17 pelos três predicados «é árvore», «da ciência do bem» e «da ciência do mal». Haveria contradição se Adão puder comer de apenas um membro desta classe D, ou seja, seria necessário que, ao mesmo tempo, lhe fosse proibido e lhe fosse permitido comer da árvore da ciência do bem e do mal.
Como se sabe, predicados diferentes definem classes distintas. Deste modo, a classe C e a classe D são classes distintas, uma vez que a classe C é definida também pelos dois predicados «em que há fruto» e «dá semente» e estes predicados não definem a classe D. Acresce que, os dois predicados «da ciência do bem» e «da ciência do mal» definem a classe D, mas tais predicados não definem a classe C. Portanto, qualquer x é distinto de qualquer y. Aliás, a Bíblia não diz quantos são os elementos de C – que são seguramente muitos (cfr. Gênesis 1:29) – mas diz que a classe D tem apenas um elemento, pois fala em «a árvore da ciência do bem e do mal» Gênesis 2:9) e em «da árvore da ciência do bem e do mal, dela» (Gênesis 2:17).
(Continua)

Anônimo disse...

Para afirmar a alegada contradição da Bíblia com fundamento em que Gênesis 1:29 diz que Adão pode comer de qualquer árvore e que Gênesis 2:17 diz que há uma árvore da qual Adão não pode comer, a Bíblia do Cético Comentada realiza pelo menos duas manobras muito pesadas. Em primeiro lugar, sub-repticiamente, sem o dizer, acrescenta à sentença B, «Há uma árvore da qual Adão não pode comer», outra sentença que é a seguinte: «e esta uma árvore de que Adão não pode comer pertence à classe de todas as outras árvores de que Adão pode comer». Ou seja, a Bíblia do Cético Comentada baseia o seu raciocínio nesta premissa que está escondida e que é falsa, pois a classe C é distinta da classe D. Em segundo lugar, ao servir-se da premissa adicional escondida falsa, a Bíblia do Cético Comentada realiza a dupla manobra de eliminar de Gênesis 1:29 (e omitindo-os na sentença A) os predicados «em que há fruto» e «dá semente» (no âmbito dos quais x tem de estar), e de eliminar de Gênesis 2:17 (e omitindo-os na sentença B) os predicados «da ciência do bem» e «da ciência do mal» (no âmbito dos quais y tem de estar). Com a realização das referidas manobras de introdução de uma premissa adicional oculta falsa e de supressão de palavras da Bíblia, é o intérprete – no caso a Bíblia do Cético Comentada – que, à custa da verdade, fabrica a contradição. Porém, em face de tais manobras, o texto original da Bíblia permanece intocado e harmonioso, isento da contradição que lhe é imputada.
Ainda se dirá que se houvesse contradição os destinatários da permissão (Gênesis 1:29) e da proibição (Gênesis 2:17) teriam ficado confusos, sem saber qual era a conduta correta que deveriam ter. Este não foi o caso. A serpente (isto é, conforme diz a Bíblia em Apocalipse 20:2, «a Serpente antiga, que é o Diabo e Satanás») – ainda tentou lançar a confusão na mente de Eva, perguntando-lhe (Gênesis 3:1): «É também assim que Deus disse: não comereis de toda árvore desta horta?» No entanto, Eva, antes de transgredir, mostrou que tinha entendido perfeitamente tanto a permissão como a proibição, respondendo a Satanás citando a legislação completa nesta matéria (Gênesis 3:2,3): «Do fruto de toda árvore desta horta comeremos. Mas do fruto da árvore, que está no meio da horta, disse Deus: não comereis dele, nem tocareis nele, para que não morrais.»
Consequentemente, fica claro que não há e nunca houve contradição alguma na Bíblia entre Gênesis 1:29 e Gênesis 2:17, nem para os destinatários desses textos, que, na verdade, constituem regras ou normas.

Xavier disse...

O que é a Bíblia ?

A Bíblia é a reunião deste conjunto ordenado de palavras da língua hebraica (incluindo alguns trechos em aramaico) com este conjunto ordenado de palavras da língua grega. Nada que existe noutras línguas é a Bíblia. O que existe noutras línguas (português, inglês, chinês) são traduções, todas feitas séculos depois de a Bíblia ter sido concluída. Por conseguinte, a Bíblia não é, por exemplo, a Vulgata, nem a tradução de João Ferreira de Almeida, nem a Versão Rei Jaime. Estas obras – muito valiosas, sem dúvida – são traduções. A Bíblia ficou completa no fim do 1º século da nossa Era.

A Bíblia não é um livro. Já existia antes de haver livros. Não se deve confundir a Bíblia (o conjunto ordenado de palavras) com o suporte em que se encontra a Bíblia ou parte dela. Tal suporte pode ser pedra, argila, papiro, velino, papel, tela de computador ou de celular, uma fita magnética, um disco, um arquivo mp3, ou, além de mais coisas, o cérebro humano (pois há pessoas que sabem a Bíblia de cor). A Bíblia é incorpórea e, por isso, incorruptível. Em contraste com ela, os suportes em que a Bíblia se materializa ou se acha documentada são todos perecíveis.